Vândalos usam veículos de comunicação para fazer falsa reclamação de iluminação pública

Geral - RECLAMAÇÃO IMPROCEDENTE

Redação 192 acessos



Dpois de atacar as lâmpadas com pedras, pedaços de paus e arma de fogo, provocando a sua destruição, vândalos estão usando os programas de televisão para fazer falsa reclamação de iluminação pública. O alerta é da Coder, Companhia de Desenvolvimento de Rondonópolis, que ao atender á pedidos e reclamações feitas nos programas de televisão da cidade, manda equipes de eletricistas ao local, onde supostamente estaria faltando lâmpadas ou estaria com as existentes nos postes, queimadas. Ocorre que ao chegar a esses locais, as equipes têm verificado se tratar de denúncia falsa.

Nessas últimas duas semanas aumentou os casos de reclamações e pedidos falsos de vários pontos da cidade. De acordo com o Chefe do departamento de Iluminação Pública da Coder, Aparecido Alves Barbosa, o Cidão, as equipes registraram casos nos bairros Jardim Oásis, Parque Universitário e Jardim Europa. “Temos nos programas de televisão, os nossos aliados, pois ao reclamar na TV, podemos detectar com mais facilidades as demandas por energia em todos os bairros. Ocorre que nesses últimos 15 dias têm aumentado e muito os casos de pedidos de iluminação pública e ao chegarmos nesses locais, verificamos se tratar de falso pedido, já que as lâmpadas estão em perfeito estado de funcionamento“, reclamou o Cidão.

Uma das falsas reclamações contra a falta de iluminação pública e falso pedido para instalação de luminárias, ocorreu na rua Curió, número 2.640, Jardim Oásis. Depois de ir ao ar, essa falsa reclamação, num dos programas de TVs da cidade - que é transmitido no horário do almoço - uma equipe da Coder foi ao local, à noite para fazer o reparo e constatou se tratar de pedido falso, pois todas as lâmpadas estavam acesas e nenhum poste sem lâmpada. “Nós gastamos o tempo e o dinheiro público que poderiam ser utilizados para atender as verdadeiras demandas, mas fomos induzidos a ir à lugares, cujas demandas não existem“, lamenta Aparecida Alves.

Recentemente a Coder fez um balanço e divulgou a lista de bairros onde fora constato alto índice de vandalismo com a destruição das lâmpadas e até dos kits de iluminação. Agora, pessoas más intencionadas, estão usando os veículos de comunicação para reclamar pelo que não há - prejudicando, assim, o bom desempenho dos serviços das equipes de iluminação pública.

Nesses últimos dois meses, a Coder aumentou a frota de veículos destinados ao setor de iluminação pública e mobilizou equipes nos três períodos: de manhã, de tarde e à noite, para dar conta da demanda por instalação de luminárias e por reparos nos relês com o objetivo de evitar que as luzes ficassem acesas durante o dia e apagadas à noite.
De acordo com a Coder, mais de 95% das demandas e casos de iluminação pública foram resolvidos. “Mas continuamos trabalhando, pois esse é um setor cujos serviços não acabam“, explicou Cidão ao pedir a colaboração de todos para que falsos pedidos não continuem sendo feitos.

Comente, sua opinião é Importante!